“E agora, o que eu vou fazer? Se os seus lábios ainda estão molhando os lábios meus? E as lágrimas não secaram com o sol que fez? E agora como posso te esquecer? Se o seu cheiro ainda está no travesseiro?"
©